[E-book] Aprenda a fazer um gerenciamento de risco na sua startup

[E-book] Aprenda a fazer um gerenciamento de risco na sua startup

É comum ver a palavra risco amedrontando muita gente, inclusive empreendedores que estão apostando em um novo negócio. As pessoas associam a fracasso e, assim, acabam evitando o assunto. Embora seja compreensível, essa é uma abordagem que pode fazer com que os problemas realmente causem algum estrago. O ideal, portanto, é trabalhar com um gerenciamento de risco e encarar essas questões de frente, assumindo que elas existem e fazem parte da caminhada.

O profissional que se aventura no mundo das startups e decide montar a sua epmpresa não precisa ficar entregue à própria sorte. É possível, e também necessário, minimizar os erros, as falhas e as possíveis inconsistências do produto ou serviço. Isso não significa incompetência ou falta de atenção.

Errar em algum momento da jornada é praticamente inevitável. O grande pulo aqui é antecipar os riscos e, assim, conseguir corrigi-los ou, ao menos, ficar preparado para quando eles se tornarem realidade. Com isso, queremos dizer que conhecer as fragilidades ajuda o empreendedor a lidar com elas da maneira mais adequada.

Não fazer um gerenciamento de risco da sua startup pode acarretar em consequências para a imagem e para as finanças do negócio. Esses dois pontos, inclusive, estão interligados, pois a forma como a empresa é vista interfere na reputação e, consequentemente, nas vendas.

Gerenciar os riscos ajuda a empresa a equilibrar a equação do processo. O projeto não estará imune a falhas, mas, nesse caminho, surgirão também as oportunidades que poderão compensar os pontos de maior fragilidade.

No fim das contas, o risco tem que ser compatível com o que o empreendedor está disposto a encarar para fazer seu negócio dar certo: nem mais, nem menos. Se estiver além da capacidade, o tombo será muito grande se algo der errado durante o percurso.

Para ajudar você a realizar o gerenciamento de risco no seu negócio, preparamos este e-book, explicando como funciona esse processo, mostrando a importância dele e dando dicas de como realizar essa tarefa da maneira mais eficiente possível. No fim, ainda damos um exemplo prático.

Comente

Este campo é obrigatório

Este campo é obrigatório

O endereço de e-mail é inválido

Enviar